Copa Libertadores: brasileiros e argentinos já decidiram a competição 13 vezes

Os argentinos levam ampla vantagem na disputa, já venceram 9 dos 13 títulos disputados entre os clubes de cada país

Grêmio e Lanús começam a decidir nesta quarta-feira,22, o título da Copa Libertadores 2017. Os brasileiros buscam o bicampeonato, já os argentinos tentam a primeira taça na competição continental.

Brasil e Argentina é uma das maiores rivalidades do futebol mundial. Os confrontos entre as seleções e os clubes são cada vez mais disputados. A Copa Libertadores já foi palco de grandes jogos que ajudaram a alimentar essa rivalidade.

Até hoje já foram disputadas 13 finais envolvendo as duas escolas do futebol mundial. O argentinos levam larga vantagem em relação aos brasileiros. São 9 conquistas albicelestes contra 4 brasileiras.

O Boca Juniores é o clube que mais enfrentou brasileiros em finais do torneio continental. Os xeneizes venceram seis Libertadores em dez finais disputadas. Dos seis títulos, quatro foram contra brasileiros. Em 1977 derrotou o Cruzeiro, em 2000 o Palmeiras, em 2003 o Santos, e em 2007 o Grêmio.

O Grêmio é o time com o pior rendimento na história dos confrontos entre os dois países. Perdeu as finais de 1984 e 2007,contra,respectivamente, Independiente e Boca.

Velez Sarsfield e Corinthians são os únicos com 100 por cento de aproveitamento. cada equipe chegou apenas uma vez na final da competição e venceram, São Pablo(1994) e Boca Juniors(2013), respectivamente.

As finais

1. Santos – Boca (1963): Santos ganhou os dois jogos. 3-2 no Maracanã e 2-1 na Bombonera.

2. Estudiantes – Palmeiras (1968): Estudiantes venceu a primeira final 2-1 em La Plata e o Palmeiras fez 3-1 em San Pablo. No jogo de desempate disputado no Estadio Centenário do Uruguay, os argentinos venceram por 2-0.

3. Independiente – São Paulo (1974): Independiente ganhou em Avellaneda 2-0 e perdeu por 2-1 em São Pablo. No jogo de desempate, que foi jogado no Defensores del Chaco no Paraguay, o Independiente venceu por 2-0.

4. Cruzeiro – River (1976): Os brasileiros ganharam o primeiro jogo em casa por 4-1 e os argentinos venceram a revanche em Buenos Aires por 2-1. Na partida de desempate, disputado em Santiago(CHI), o Cruzeiro venceu por 3-2.

5. Boca – Cruzeiro (1977): Ambos equipes ganharam por 1-0 como mandantes. Mais uma vez, o desempate foi no Estádio Centenário de Montevideo e o Boca ganhou nos pênaltis por 5-4.

6. Independiente – Grêmio (1984): Independiente venceu por 1-0 na partida de ida em Porto Alegre e ganhou sua sétima Copa ao empatar por 0-0 em Avellaneda.

7. São Paulo – Newell’s (1992): Os argentinos venceram por 1-0 em Rosario, o São Paulo descontou o placar no Morumbi e levou a decisão para os pênaltis, nas cobranças da marca da cal o tricolor fez 3-2 e conquistou o seu bicampeonato.

8. Vélez – São Paulo (1994): Os argentinos fizeram 1-0 na ida, os brasileiros descontaram o placar na volta, mas nos pênaltis a equipe dirigida por Carlos Bianchi levantou a Copa ao ganhar por 5-3.

9. Boca – Palmeiras (2000): Empate 2-2 em Buenos Aires e um zero a zero no Brasil. Nos pênaltis, Boca venceu por 4-2.

10. Boca – Santos (2003): Boca venceu as duas partidas: 2-0 na Bombonera e 3-1 no Morumbi.

11. Boca – Gremio (2007): Mais uma vez o Boca foi superior nos dois jogos e venceu por por 3-0 em casa e 2-0 em Porto Alegre.

12. Estudiantes – Cruzeiro (2009): O Estudiantes foi campeão após empatar zem gols como mandante e vencer por 2-1 em Belo Horizonte.

13. Corinthians – Boca (2013): A última final de Libertadores, até este ano, entre brasileiros e argentinos. O Timão foi campeão após empatar por 1-1 em Buenos Aires e vencer por 2-0 no Pacaembu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *