#8: O último ‘Grito’ de Maradona em Copas do Mundo

Maradona, uma das grandes figuras da história do futebol viveria, sem saber, seu último grito de gol no Foxboro Stadium com a seleção ‘Albiceleste’

21 de junho de 1994, uma data que o futebol nunca vai esquecer, Diego Armando Maradona foi para o campo como capitão da Argentina , que também contava com Fernando Redondo, Claudio Caniggia, Gabriel Batistuta, Diego Simeone que buscavam o terceiro título mundial para a seleção portenho.

A chegada ao mundial de 94 não foi dos mais fáceis para o time liderado por Alfio Basile . A equipe teve que passar pela repescagem contra a Austrália, e antes disso sofreu uma das piores derrotas em sua história diante da Colômbia de Valderrama, Asprilla e Rincón.

O gol

A Argentina já vencia o jogo com dois gols de Batistuta, mas o que aconteceu no segundo tempo, apenas um jogador como Maradona conseguiria escrever; uma jogada para a história. 60 minutos de partida, Balbo carregou a bola e entregou a Redondo, que tabelou com Diego e depois outra troca de passes com Caniggia; o meio-campista do Real Madrid deu o passe final para ‘El Pibe’ bater firme de pé esquerdo no ângulo.

A celebração pelo gol foi tão intensa que recebeu o nome de ‘El Grito’ e seria o último suspiro de Maradona em mundiais. No final da partida do jogo seguinte, contra a Nigéria, El Diez foi levado  para um teste de drogas e testado como positivo. Ele foi expulso da Copa do Mundo e a Argentina acabou sentindo sua falta e caiu diante da Romênia, nas oitavas-de-final.

Faltam 8 dias para a Copa da Rússia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *